Pesquise por hashtags, nomes e assuntos

Resultado não encontrado para: ''

Onde investir para cuidar do futuro das crianças que você ama?

Suno Research. 25/10/2019

O primeiro passo é trazer, desde cedo, a educação financeira para dentro de casa. O segundo, é cultivar, também desde cedo, o hábito de poupar mensalmente, traçando objetivos financeiros bem-definidos. Depois da presença (nada como passar um tempo de qualidade juntos), este é o melhor presente que você pode dar para seus filhos, netos, sobrinhos ou afilhados.

Leia mais: Como falar de dinheiro com as crianças?

Uma meta bastante comum é o financiamento da educação da criançada. Alguns cálculos indicam que os gastos com a criação de um filho até os 24 anos de idade podem passar de R$ 1 milhão. Nada trivial, não é mesmo? Como, então, se preparar financeiramente para isso?

Uma coisa é certa: quanto antes você começar a guardar dinheiro para as despesas futuras com as crianças, menor será o impacto sobre o seu orçamento. Que tal começar agora?

Onde investir para o futuro das crianças?

Uma vez definido o hábito de guardar todos os meses um dinheiro para garantir um futuro financeiro mais tranquilo para as crianças que você ama, a questão é saber onde investir esse dinheiro. Existem algumas estratégias possíveis, mas hoje vamos falar de uma que achamos fundamental para investimentos de longo prazo: a proteção contra a inflação.

Ao guardar dinheiro para um objetivo financeiro mais distante, a primeira coisa que precisa passar pela sua cabeça é a proteção contra a perda de valor do dinheiro em decorrência do aumento dos preços. A boa notícia é que existem diversos investimentos no mercado que buscam justamente esse objetivo.

Confira algumas opções que temos aqui na Pi:

Como funciona a proteção contra a inflação?

Para se ter uma aplicação que te proteja contra a inflação, é importante que o retorno do investimento seja igual ou maior que a variação de preços no mesmo período. O objetivo é manter o seu poder de compra. Mas o que isso significa?

Significa que se você for ao supermercado hoje com R$ 100 na carteira, você comprará menos coisas do que comprou um ano atrás. Isso acontece porque os preços aumentam periodicamente e é a isso que damos o nome de inflação.

Usando essa mesma lógica para o futuro: você precisa garantir que os R$ 100 que tem hoje comprem as mesmas coisas daqui a um, cinco, dez ou vinte anos. É por isso que não faz sentido a piada de guardar dinheiro debaixo do colchão. Com o passar do tempo, aquele dinheiro não terá mais o mesmo valor, ou seja, você perderá poder de compra.

Quer um exemplo com números? No Brasil, uma das principais referências da inflação é o IPCA (Índice de Preços ao Consumidor Amplo). Para que você tenha uma ideia do peso do aumento de preços sobre seus investimentos, nos últimos 10 anos, o IPCA aumentou em torno de 75%.

Na prática, isso significa que o que você comprava com R$ 25 reais no supermercado em 2009 hoje deve estar custando em torno de R$ 100. Você não vai querer que isso aconteça com os investimentos que você está fazendo para o futuro dos seus filhos, certo?

Por isso, é importante que seus investimentos de longo prazo busquem proteger o seu dinheiro dos efeitos da inflação, ou seja, que busquem uma remuneração acima da variação de preços no período.

Gostou deste conteúdo? Conta pra gente nos comentários como você está se preparando para cuidar do futuro financeiro das crianças que você ama, sejam elas seus filhos, netos, sobrinhos ou afilhados.

Material publicitário. Para mais informações, acesse aqui. Os investimentos apresentados podem não ser adequados aos seus objetivos, situação financeira ou necessidades individuais. O preenchimento dos formulários API – Análise de Perfil do Investidor é essencial para garantir a adequação do perfil do cliente ao produto de investimento escolhido. Leia previamente as condições de cada produto antes de investir.

Avaliar

Obrigado por votar

Você já votou neste post

Fazer comentário

  1. Francilourdes Feitosa De Araújo

    Gostaria de sabe se um investimento ou um poupança O valor para começar a investir

    Responder

    • Redação Pi

      Oi Francilourdes. Obrigada pelo seu comentário. Aqui na Pi você pode começar a investir a partir de R$ 30. Dá uma olhada aqui na nossa lista completa de opções.

      Responder

  2. oi boa noite,como faço pra investir?

    Responder

  3. Redação Pi

    Oi Elioenai. Tudo bem? Que legal que você está querendo começar a investir. Temos um post que vai te ajudar a dar os primeiros passos, olha só: https://blog.vemprapi.com.br/como-comecar-a-investir/

    Responder

  4. Claudinei Lopes de Souza

    Gostei das informacoes, é queria saber como proceder para iniciar um investimento para meu filho de 14anos. Obrigado.

    Responder

Notícias relacionadas

4 investimentos para sair da poupança ainda em 2020

A poupança continua sendo o investimento favorito da maioria dos brasileiros mesmo oferecendo os menores retornos do mercado. Nesta matéria, você conhecerá 4 alternativas para o seu dinheiro.

Investimentos a longo prazo: onde investir para o seu futuro?

Investimentos a longo prazo devem fazer parte do portfólio de qualquer investidor. Nessa matéria você conhece algumas opções de ativos para isso.

Fundos DI: o que são, como investir e quais suas vantagens

Você já conhece os fundos DI? Eles são opções de renda fixa muito conhecidas por investidores conservadores ou iniciantes. Leia tudo sobre esses fundos!

FIDCs: o que você precisa saber sobre esse tipo de investimento

Você já conhece os Fundos de Investimento em Direitos Creditórios? Os FIDcs são uma classe de fundos um tanto diferentes. Nesta matéria explicamos pra você.

Investimentos seguros: onde investir?

Quer conhecer opções que tragam segurança e uma maior rentabilidade que a poupança? Confira essa matéria sobre opções de renda fixa.