Pesquise por hashtags, nomes e assuntos

Resultado não encontrado para: ''

Incertezas ainda dão o tom do mercado

Jenifer Corrêa. 03/04/2020

Mais uma semana de forte volatilidade se encerra, enquanto o mercado acompanha a evolução do novo coronavírus e dados que indicam a desaceleração da economia global. Nos últimos dias, o sobe e desce marcou a trajetória da bolsa brasileira, que continua acompanhando de perto o movimento do exterior.

Em um artigo, a diretora-gerente do Fundo Monetário Internacional (FMI), Kristalina Georgieva, e o diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, alertaram os líderes globais de que existe um “falso dilema” entre salvar vidas e assegurar empregos.

Eles defendem que o combate à pandemia é condição essencial para conseguirmos ver a retomada da atividade econômica. E fazem um apelo especial aos países emergentes: o fortalecimento do sistema de saúde é fundamental para que as pessoas consigam voltar aos seus empregos.

Dan Kawa, CIO da TAG, acredita que o mercado dará um “prêmio” aos países que conseguirem sair mais rápido desta crise, nem que para isso tenham que adotar medidas mais agressivas de contenção no curto-prazo.

“Nas últimas semanas tenho afirmado que estamos no início da crise econômica mais do meio para o final da crise no preço dos ativos. Estamos apenas começando a ver em números o tamanho do impacto econômico, enquanto os “mercados” já precificaram parte relevante deste cenário”, afirma.

E acrescenta: “Nos últimos dias tratei destes impactos em preços de ativos, agora quero tratar do impacto econômico. Vale ressaltar que o risco principal é de que o ‘lockdown’, a parada brusca da economia global, dure mais do que o imaginado anteriormente.”

Paralelamente, a disparada do dólar também merece destaque: a moeda norte-americana chegou à casa dos R$ 5,30. “Claramente há uma demanda estrutural pela moeda americana que precisa ser equacionada”, destaca Dan.

Na sexta-feira (3), a bolsa brasileira caiu, refletindo o movimento das bolsas dos EUA, após a divulgação de dados que mostraram a aceleração do desemprego no país.

5

Avaliar

Obrigado por votar

Você já votou neste post

Fazer comentário

Notícias relacionadas

Mercado futuro: seu guia completo sobre o tema

O Mercado futuro é um ambiente de renda variável onde são negociados contratos futuros. Nesta matéria você irá entender tudo sobre o assunto.

Como surfar nas oportunidades da crise? | Tarpon GT

Neste episódio do 3,14 Cast, o gestor da Tarpon GT explicou pra gente como encontrar oportunidades na crise por meio de ações diferentes. Leia agora!

[Ações] É hora de investir, resgatar ou esperar? | Bresser

Atualizado em 01/04/2020. O que fazer com as suas ações na crise do coronavírus? Fazer algo ou apenas esperar o mercado voltar a normalidade? Essas dúvidas Rodrigo Bresser responde.

Dividendos: entenda tudo sobre o assunto

Como viver de renda com dividendos? É possível ou não? Essas e outras dúvidas a gente responde nessa matéria completa sobre o assunto. Confira!

Como o cenário macroeconômico influencia seus ativos? | Safari Capital

Você já parou para entender os motivos que levam o mercado a entrar em panico? A Safari Capital fala sobre o cenário macro e sua influencia nos ativos.